Um necromante moderno... ou quase...

Por Max Brooks 28 de abril de 2011 Editar postagem

Conto a vocês agora a interessante história do doutor Gottfried Knoche. Em 1840 o dr. Gottfried Knoche sai de sua Alemanha natal para morar na Venezuela, nos arredores de Caracas, no que é hoje o Parque Nacional de Ávila. Trabalha atendendo crianças em um hospital da região.

Siga o @Zumbi_Hunter no Twitter!

Atraído pela beleza da selva, faz longos passeios a cavalo por sua nova propriedade. Mas o nosso doutor também tinha uma paixão. Na verdade, uma ciência oculta: ele desenvolvia técnicas de mumificação. Criou 2 fórmulas, uma para o corpo ainda vivo e outra para o cadáver. Ele teve a oportunidade de usar sua arte em um ex-presidente, um guarda. Não havia oportunidade desperdiçada na aplicação de sua técnica e fórmulas.


Entrada de seu Mausoléu
Ele ficava com algumas múmias, durante muito tempo mesmo, pesquisando o processo, enquanto podia ainda ficar com os corpos. Diz-se que as tinha em seu laboratório expostas, até que se lhes destinavam sepulturas. E na entrada de seu sítio uma múmia também fazia guarda, tendo igualmente um cachorro mumificado.
Réplica de uma de suas múmias
Mumificou também a um bandido, com a intensão de colocá-lo no mausoléu da família, para função de guarda da cripta, onde tinha reservado também as urnas nas quais colocaria as múmias de sua família. A múmia do criminoso protegeria o local. Mumificou a esposa, os filhos, um genro e mais tarde foi com a mesma técnica ele mesmo mumificado.
Múmia do Bandido/Guarda 
O mais interessante ainda é que a enfermeira que ficou ali, até 25 anos depois da morte do médico, foi também mumificada. Muitos visitantes procuraram aprender as fórmulas mantidas secretas pelo doutor e herdadas pela enfermeira Amali, mas ela nunca as revelou.


Segue ainda os links para alguns vídeos sobre o assunto, incluindo o trecho do documentário do History Channel.









Colaborador:Hrensugg Strom
Foto
Autor
Max Brooks, caçador implacável de mortos-vivos, detonador de cabeças podres, o incansável paladino do mundo pós-Dia Z. Quem o segue e ouve seus conselhos tem chances de sobreviver. Se está lendo isso, você está vivo. Saiba mais...
Feed Delicious Digg Facebook Twitter Orkut
  • Leia o artigo antes de chegar aqui.
  • Comentários com críticas construtivas, elogios e sugestões sempre são bem vindos. Mas educação é bom e aqui também é necessário. Se você não concorda com alguma coisa, saiba como fazê-lo.
  • NÃO ESCREVA EM CAIXA-ALTA.
  • Não coloque o link do seu blog dentro do comentário ou qualquer outro link, pois ele será editado ou apagado.
  • Os autores se reservam do direito de excluir comentários ofensivos, com palavrões, spam ou anônimos e de editá-los sem nenhum aviso prévio.
  • Não escreva em internetês, com miguxês ou com erros bizarros de Português.
  • Seja o primeiro a comentar!

    Postar um comentário

    ATENÇÃO, HUNTER!


    Para que a interação no blog seja a melhor possível, tenha em mente as seguintes regras:
    - Não poste como anônimo, pois seu comentário será EXCLUÍDO. Logue-se em algum sistema ou deixe nome e URL, que pode ser o seu Twitter;
    - Não ofenda, não use palavras de baixo calão, não escreva com miguxês, internetês e similares. Escreve no bom Português;
    - Isso aqui não é uma Democracia nem a casa da mãe Joana, pois comentários que estejam fora do assunto do blog, que venha com links, spam ou qualquer outra coisa que não esteja nos conformes, será EXCLUÍDO;
    - Não deixe seus links aqui. Isso não é página de recados;
    - Nossas postagens estão protegidas, leia a nossa Licença;


    Obrigada!